Planta Tóxica ou Erva Tóxica é todo vegetal que, ao ser ingerido causa danos na saúde, com presença de sintomas de Intoxicação. Este tipo de Intoxicação, muito comum em Bovinos (Intoxicação Bovina), Caprinos e Ovinos (Intoxicação em Caprinos e Ovinos), além de outros animais, depende da quantidade de substância tóxica absorvida, do tipo dessa substância e da via de introdução.

intoxicacao-bovinaAssim, a Intoxicação pode ser: Intoxicação aguda: que ocorre na maioria dos casos de ingestão acidental de uma Planta ou suas partes que é Tóxica, surgindo sintomas de Intoxicação em tempo relativamente curto; e Intoxicação crônica, comum em caso de ingestão continuada, acidental ou propositada de Plantas, responsável por problemas graves; como no caso de Lesões Hepáticas em Bovinos que se alimentam de Senécio.

Os prejuízos causados por Intoxicação de Plantas Tóxicas na pecuária são: Perdas diretas: como no casos de mortes de animais, abortos, infertilidade, redução da produtividade como diminuição da produção de leite, carne ou lã, e redução da saúde com aumento à susceptibilidade de outras doenças; e Perdas indiretas: que são a os gastos com controle de Plantas Tóxicas nas pastagens, manejo a fim de evitar Intoxicações, compra de medicamentosdiagnóstico das Intoxicações, entre outros.

Os principais fatores que levam a ocorrência de casos de Intoxicações causadas por ingestão de Plantas Tóxicas  são:

1. Palatabilidade: existem Plantas que apresentam sabor agradável, ou seja, são palatáveis; como no caso das forrageiras. Plantas pouco palatáveis são
ingeridas somente em condições especiais.

2. Fome: Quando as Plantas Tóxicas são ingeridas em condições de carência de forragem ou em período de privação de alimento, como no inverno ou épocas de estiagem, onde algumas Plantas Tóxicas permanecem verdes, como no caso do Senecio spp.

3. Sede:  Os animais quando são transportados, eles bebem água devido a sede e, com isto, perdem a palatabilidade e a capacidade de seleção. Conseqüentemente,
ingerem Plantas Tóxicas pouco palatáveis, levando a Intoxicação.

4. Acesso às Plantas Tóxicas: Intoxicações quando os animais tem acesso a alguns tipos de Plantas, como no caso de árvores derrubadas; entre outros fatores.

Cafezinho (1: Arbusto; 2: Flor e 3: Fruto)

As Plantas ou Ervas Tóxicas de maior interesse veterinário são as que causam “Morte Súbita” responsáveis por cerca de 60% de todas as perdas causadas por Plantas Tóxicas no país, com destaque para a Palicourea marcgravii, chamada de Erva do Rato e a Mascagnia rigida, conhecida por Tingui ou Timbó.

O diagnóstico das Intoxicações por Plantas é realizado pelo conhecimento da ocorrência das Plantas na região, dos sinais clínicos e a sua evolução; podendo incluir analise bioquímica, realização de necropsia e exame histopatológico.

REMÉDIO PARA INTOXICAÇÃO BOVINA CAPRINA E OVINAPor fim, o Controle e Prevenção de Intoxicações Bovinas, Caprinas, Ovinas e outros tipos de animis domésticos por Plantas Tóxicas podem ser realizados por diferentes maneiras, na qual se destaca o uso do Medicamento 100% Natural A Toxi H, na qual atua em muitos casos de Intoxicações Bovinas, além de atuar em outros animais como Caprinos e Ovinos.

Outra medida de controle, em caso de suspeita de Intoxicação por Planta é retirar os animais do local onde está e permanece-lo em “repouso” e sombra; até a chegada de um especialista no assunto (médico veterinário). Além disto, tornam-se importantes medidas de Prevenção como no caso de cuidados ao realizar a formação de pastos, com emprego de espécies de Plantas e aplicação correta de técnicas agronômicas, a fim de evitar que espécies potencialmente Tóxicas venha a ser dominante; e técnicas de manejo de pastagens, a fim de evitar a presença de “Pastos Sujos“.

Dúvidas ou mais Informações, entre em Contato.

Fonte: Haraguchi, M. PLANTAS TÓXICAS DE INTERESSE NA PECUÁRIA. Palestra. Biológico, São Paulo, v.65, n.1/2, p.37-39, jan./dez., 2003

Direitos reservados: Texto de uso exclusivo da Expressão Animal Homeopatia, sendo permitida sua cópia e/ou réplica somente citando o site (link deste texto) como fonte.